quinta-feira, 12 de outubro de 2017

VOLTA NO TEMPO

Imagem relacionadaVivemos num caos de mundo.
Está tudo contaminado, imundo.
O certo agora está sendo errado;
e isso me deixa magoado, angustiado.
Estou arrebatado.

O que entender vão
outras gerações que virão;
se tudo ao contrário, do avesso,
é o que aprendendo estão?

Como machuca o coração
daquele que ainda pensa, entende e sente!
Como deixa sem ação 
essa triste realidade,
Imagem relacionadaa qual gente como a gente, somente,
enxerga tal situação.

O que os pequenos de hoje aos pequenos que aqui virão,
no amanhã, ensinarão?

Retornaremos no tempo.
Daqui a pouco muitos dos seres humanos
que já vivem feitos zumbis, 
não falarão, pois não mais saberão;
apenas "hem", "é", "ham"
de suas bocas sairão.
Imagem relacionada
Os homens das cavernas, 
os neandertais,
canibais, 
fatais, 
fatalmente ressurgirão.

LAURA VÁLIO


segunda-feira, 9 de outubro de 2017

MINHA MÃE, MARIA

Da sua lembrança, eu guardo certinha, mãezinha!
Quinze anos!
Parece que foi ontem aquele dia que eu tenho raiva dele. Se eu pudesse, o deletava.
A senhora se foi, mas no meu coração e no meu pensamento está presente a toda hora.
Carrego-a no peito como carrego Deus.
Aquele dia fatídico foi triste e angustiante. 
Sinto um amargo em mim ao lembrar.
Minha alma vive a chorar.
A sua presença ainda é forte e me acompanha a todo momento deste meu viver.
Eu a consulto quando tenho que tomar alguma decisão, quando me encontro sem saída, então.
Minhas preces sobem para  o alto, onde sei que está, e peço a proteção para todos os filhos que desde que a perdemos nunca mais alegria tivemos.
Num total desconforto nos fechamos.
Acho que todos na depressão ficamos.
Como é forte esta tristeza!
Dias vazios restaram para cada um de nós e eles não serão preenchidos jamais.
Pedimos a Deus que aonde quer que esteja, continue nos acompanhando, nos conduzindo em todos os nossos caminhos.
Com a proteção do Senhor nós vamos também seguindo aqui, enquanto não nos encontramos aí.
Oramos pela senhora e pedimos a sua benção.
Obrigada.

LAURA VÁLIO     


domingo, 8 de outubro de 2017

PORQUÊS

Por que, meu Deus, por que essa tragédia com as criancinhas teve que acontecer?
Por que, meu Deus, o Senhor permitiu?
Talvez outro; quem?
Me perdoa as perguntas, mas não sei deixar de questionar.
Pobrezinhas!
Que foi que elas fizeram para merecerem tão triste fim?
Que azar foi o delas terem encontrado nos seus caminhos um ser tão perverso, maluco, miserável, tão infernal! 
Que esse demônio nunca consiga paz na morte e fique no meio do fogo ardendo eternamente!
Imagine a dor de cada uma das mães.
Meu coração está dilacerado, com as chagas abertas. 
E os delas, então? 
Foi algo incompreensível.
Esse ato maligno jamais poderá ser perdoado por quem quer que seja.
Que dores horríveis sentiram esses anjinhos que nem pecados tinham e de nada sabiam.
Penso naqueles que estão na luta pela sobrevivência.
Gostaria, se pudesse, tomar para mim todas as dores deles.
Essa notícia me deixou em choque.
Como eu chorei!
Até agora custo a acreditar em tamanha barbárie!
Não sei desejar outra coisa pra esse maldito.
Me perdoa, Pai!
Se ele não tivesse morrido, que a justiça fosse feita pelas mãos dos homens ( mesmo não achando certo), com toda certeza gostaria que as minhas lá estivessem também.
Meu Pai, é assim que eu penso. Me sinto amolecida, atordoada, acabada. Nunca conseguiria perdoar um ser desses.
O Senhor poderá?
Sinto um amargor tão grande em minha alma e olha que o meu peito carrega amor, esse sentimento que não estamos encontrando mais, que está sendo banido dos corações dos seres humanos.
Perdoar essa atrocidade, no entanto, não cabe a mim; não consigo, portanto... Caberá ao Senhor?

LAURA VÁLIO

terça-feira, 12 de setembro de 2017

ATORDONTITE

Às vezes, a cabeça parece que vira,
                          que anseia
um aéreo voo
                                           conectado até.

Outras vezes,
desconectado,
desvairado,
parecendo 
atormentado... 

Espírito sofrido,
         descabido,
          adoecido,
já quase amortecido.

A alma vazia rodopia
e o cérebro nada mais então envia...

Será mesmo o fim, 
assim, 
e a mente todavia nada cria
Resultado de imagem para rodopioe angustia?


 LAURA VÁLIO

LUA ENCANTADA



Lua linda!
Linda lua!
De uns tempos pra cá, parece que ela de tamanho se agigantou e de beleza também aumentou.
Quando surge majestosa, poderosa, faz com que tudo o que existe fique transformado, mais bonito, prateado.
Sua grandeza enche os meus olhos; tão bela, tão mágica.
Mexe comigo de tal maneira que chega a ser difícil explicar.
Que encanto!
Que maravilha!
Tantas palavras para defini-la que fica complicado achar qual a que mais se adapta para descrevê-la.
Clareia a noite com uma luz que não é sua, mas que a torna tão real, como se tivesse o próprio flash. 
Faz até parecer que é o sol que retornou, trazendo o dia que então raiou.
Inexplicável beleza que irradia, invade a alma, contagia.  

LAURA VÁLIO